Tudo sobre a produção de uvas e vinhos do Brasil

Artigos recentes

Vinhos argentinos e chilenos também estariam adulterados

Posted on May 3, 2014 at 2:00 PM

A notícia de que vinícolas gaúchas estão sendo investigadas por adulteração no vinho abalou o setor vitivinícola do país no último 1° de maio. Nesta última sexta-feira os nomes das vinícolas foram divulgados pelo MAPA, entretanto, há também rumores de que, principalmente vinhos argentinos e chilenos estariam contaminados com o antibiótico natamicina.


O MAPA não divulgou nomes de vinícolas desses países, mas em uma nota técnica da Secretaria da Agricultura, enviada ao Ministério Público no ano passado, pode-se confirmar a existência desses rumores e até a informação de que rótulos argentinos e sul-africanos (onde o uso de natamicina é permitido ao mercado interno) já tiveram problemas por uso dessa substância na alemanha. Leia trechos abaixo:

 

"Os rumores, nos bastidores, de que se está usando conservantes/antibióticos de uso proibido em vinhos e espumantes, que contém açúcar residual, e em suco de uva, é grande [sic]. E não só no nacional, mas principalmente em vinhos chilenos e argentinos demi-sec e suaves."

 

"Um dos poucos países que permitem a sua utilização [natamicina] é a África do Sul, mas para o seu mercado interno. A UE [União Europeia] proíbe e recentemente a Alemanha rechaçou vários rótulos de vinhos argentinos e sul-africanos que continham esta substância antifúngica."


As vinícolas gaúchas flagradas nos exames do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) são especializadas na produção de vinho suave envasado em garrafões ou garrafas PET e agora respondem processo administrativo que pode resultar na aplicação de multa de até R$ 19 mil. Em caso de reincidência, os estabelecimentos podem até mesmo ser interditados. Vinhos finos para exportação ou espumantes não tiveram problemas com contaminação da referida substância, reforçando a tese de nossas vinícolas especializadas em vinhos finos são de exelente qualidade e responsabilidade.


Agora, seria importante uma posição a respeito desses vinhos importados, uma vez que a imagem do vinho brasileiro foi prejudicada de forma desequilibrada ao não informar a ocorrência também em importados. 


Saiba mais sobre o ocorrido em:

Divulgada lista de Vinícolas investigadas por adulteração no vinho--  http://portalvitivinicultura.webs.com/apps/blog/show/42200368 e

Vinícolas gaúchas são investigadas por adulteração no vinho --  http://portalvitivinicultura.webs.com/apps/blog/show/42197052


Fonte: Zero Hora

Categories: Notícias, enologia

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

0 Comments